O principal responsável pelo sucesso do tratamento após reinserção ou fixação dos tendões é a cicatrização. Após o reparo da lesão tendínea, geralmente feito com âncoras e suturas, ocorrerá a reintegração dos mesmos (cicatrização). Essa precisa ser suficientemente forte para que seja possível o músculo se contrair e conseguir suportar o peso do braço, o principal propósito do tratamento, sem se quebrar novamente. Estudos científicos mostram que, de regra, três meses é o período de segurança da cirurgia. É o tempo que o corpo leva para conseguir uma cicatrização inicial e permitir o inicio das atividades com carga.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.